Seja Muito Bem Vindo(a)...

As pessoas tem o direito de não gostar do meu jeito,mas às vezes gostam tanto q levam um pouco dele c/elas.
O meu amor eu guardo p/os mais especiais.Ñ sigo todas as regras e às vezes ajo por impulso..
Erro;admito.Aprendo;ensino...Todos erram um dia:por descuido,inocência ou maldade.
As pessoas julgam,eu julgo.
Ñ
sou qualquer uma,tenho meus limites e respeito meus sentimentos.
Mudo d opinião, mas ñ d princípios.A felicidade é meu limite,meu paraíso sou eu qm faço!

segunda-feira, 20 de julho de 2009

A Luz que Acende o Olhar - Deborah Blando


A luz que acende o olhar

Vem das estrelas no meu coração

vem de uma força que me fez assim

vem das palavras, lembranças e flores

regadas em mim

O tempo pode mudar

A chuva lava o que já passou

Resta somente o que eu já vivi

Resta somente o que ainda sou

A luz que acende o olhar

Vem pelos cantos da imaginação

Vem por caminhos que eu nunca passei

Como se a vida soubesse de sonhos

Que eu nunca sonhei

Vem do infinito, da estrela cadente,

Do espelho, da alma, dos filhos da gente,

De algum lugar, só pra iluminar

A força

Vem de onde eu venho de tudo que acende

A vida, calada, me olha e entende

O que eu sou, tudo que é maior

Vem do amor

Vem do amor

A luz que acende o olhar

Vem dos romances que viram poesia

Vem quando quer, se quiser, se vier

Vem pra acender e mostrar o amor que a gente não via

Vem como um passe de pura magia

Como se eu visse e jurasse que há tempo já te conhecia

Vem do infinito, da estrela cadente,

Do espelho, da alma, dos filhos da gente,

De algum lugar, só pra iluminar

A força

Vem de onde eu venho de tudo que acende

A vida, calada, me olha e entende

O que eu sou, tudo que é maior

Vem do amor

A luz que acende o olhar,

Vem das histórias que me adormeciam

Vem do que a gente não consegue ver

Vem e me acalma, me traz e me leva
Pra perto de você

E me leva

Mais pra perto de você

Um comentário:

Roberta disse...

Combinouuuuuuuu♥
Conta comigo pra sempre !!!!
amo vc